Quebradeiras de coco comemoram Título Definitivo de Propriedade Coletiva do Território Tradicional


Neste sábado, 14, a comunidade Vila Esperança, na região de Esperantina, Campo Largo do Piauí e São João do Arraial estará em festa. A comunidade vai comemorar a conquista do Título Definitivo de Propriedade Coletiva do Território Tradicional. São 1.219,485 hectares de terra, regularizado pelo Governo do Piauí, por meio do Instituto de Terras do Piauí, beneficiando 67 famílias de quebradeiras de coco babaçu.


As comemorações contarão com a presença do Interpi, das famílias da comunidade, bem como, lideranças do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu- MIQCB e lideranças da região.



A programação iniciará às 9h com a celebração de uma missa na capela da comunidade. Em seguida haverá a solenidade de entrega do título de propriedade e entrega da placa; almoço comunitário; apresentações culturais e muita alegria por essa conquista histórica.


A comunidade Vila Esperança ocupa tradicionalmente o território desde 1917. Com a regularização fundiária, fundamentada na Lei Nº 7.294/2019, o Governo do Piauí garante uma vitória histórica para as quebradeiras de coco Babaçu, pois representa o reconhecimento do direito territorial que elas possuem como comunidade tradicional.


48 visualizações0 comentário